BOOK ONLINE ONLINE KIOSK

Igrejas de Odemira BACK


No núcleo medieval de Odemira (Castelo) há notícias de duas igrejas desparecidas: a da Santíssima Trindade e a do Espírito Santo. Actualmente subsistem as duas igrejas paroquiais (São Salvador e Santa Maria), bem como as secularizadas igrejas da Misericórdia e de São Sebastião. Além destas, a ermida de Nossa Senhora da Piedade, na margem esquerda do rio, e a de São Pedro a cerca de 3 km.


 

Com particular interesse patrimonial distinguem-se:

Igreja do Salvador – matriz de Odemira, é talvez datada do século XIV. Porém a sua fachada é já dos séculos XVII e XVIII. O seu interior foi muito modificado.

Igreja de Santa Maria – a primitiva igreja, construída também ainda na Idade Média, foi demolida no século XIX. Aproveitou-se então a igreja do extinto convento franciscano, “nacionalizado” pelas autoridades liberais, para nova igreja paroquial de Santa Maria. No seu interior, distinguem-se os retábulos barrocos.

Igreja da Misericórdia – construída no fim do século XVI e secularizada depois da República. São notáveis, no exterior, o seu portal maneirista, e no interior, a pintura mural em fase de restauro.

Na marem esquerda do rio, a ermida da Senhora da Piedade, do início do século XX, e mais a sul, a de São Pedro, que remontará ao século XVI.


 

NEARBY ROUTE SECTIONS